Morphine e o seu som nada convencional

Categorias Música
Morphine Band

Nas minhas muitas andanças pelos sebos de São Paulo me deparei com o disco de uma banda desconhecida para mim, na verdade eu conhecia o nome Morphine, mas nunca havia escutado nada da banda. O disco em questão era o B-Sides and Otherwise, uma compilação de lados-B e inéditas da banda. Eu gostei bastante, mas foi com o álbum, também garimpado no sebo, The Night que eu realmente me interessei pela banda e a sua sonoridade única.

O Morphine tem uma formação pouco comum: baixo, bateria e saxofone. E tem uma pegada que mistura jazz, blues e rock.

Formada em Massachusetts no ano de 1989, por Mark Sandman no vocal e baixo, Dana Colley no saxofone e Jerome Deupree (eventualmente substituído por Billy Conway) na bateria, o Morphine criou um estilo musical que não pode ser classificado apenas como rock alternativo, é uma mistura boa de melancolia, um baixo de duas cordas e um sax.

Ao todo a banda lançou cinco álbuns de estúdio: Good – 1992, Cure For Pain – 1993, Yes – 1995, Like Swimming – 1997 e The Night – 2000, todos excelentes, mas com um destaque meu para Cure for Pain e o seu single homônimo, além das faixas Candy e Buena.

O Morphine foi considerado pela MTV o segundo melhor Power Trio da história e a banda seguiu fazendo muito sucesso na Europa e Austrália ao longo dos anos noventa, mas sem muito reconhecimento nas rádios comerciais de sua terra natal.

Infelizmente o Morphine também é conhecido por uma tragédia que acabou com a banda. Em 3 de julho de 1999 enquanto fazia um show na Itália, Mark Sandman teve um ataque cardíaco fulminante e morreu em pleno palco, aos 46 anos de idade e no auge da carreira.

A banda se desfez, lançando em 2000 The Night, o último álbum  do grupo com Sandman. Posteriormente os membros remanescentes voltaram a apresentar-se em 2009 como Membros do Morphine e até passaram aqui pelo Brasil na Virada Cultural de 2012. Atualmente eles formam junto com Laurie Sargent o Twinemen.

Se você não conhece a banda vale a pena ouvir os álbuns e pesquisar o trabalho deles, e se a banda já faz parte do seu repertório vá ouvir de novo!

Afinal Morphine nunca é demais para as nossas almas!

Conheça algumas músicas do Morphine:

Early To Bed

Honey white

Cure for Pain

Buena

Candy

The Night

 

Sou formada em Artes Visuais, apaixonada por arte, música, livros e HQs. Comecei escrevendo sobre música e me apaixonei pela escrita.

Deixe uma resposta